Flores em você

Publicado: 22/11/2007 em imagéticas, poesia

flores vinham em sua direção

ele despreocupado e inebriado sorriu

seu corpo, seus olhos, tudo vibrava

diante daquela primavera solta num vestido

andando despreocupadamente pela avenida

largando aromas, flores e encanto

na contra-mão do asfalto

[postado originalmente em Maio/2006]

Anúncios
comentários
  1. rose disse:

    Que lindo esse texto!!!

    Obrigada por me ajudar com a música, sinta-se abraçada e beijada.

    “I will arise and go now, for alwals night and day
    I hear lake water lapping
    with low sounds by the shore
    while I stand on the roadway
    or on the pavement gray
    I heart it in the deep heart´s core”

    último verso de Lake Isle of Innisfree de WB Yeats

  2. Anonymous disse:

    Very best site. Keep working. Will return in the near future.
    »

  3. […] Ideias Soltas wrote an interesting post today!.Here’s a quick excerptFlores em você 22 11 2007 [IMG] flores vinham em sua direção ele despreocupado e inebriado sorriu seu corpo, seus olhos, tudo vibrava diante daquela primavera solta num vestido andando despreocupadamente pela avenida largando flores e encanto na contra-mão do asfalto [postado originalmente em Maio/2006] […]

  4. Nita disse:

    cá estou eu com meu novo endereço da blogos-fera:

    http://bemmequer-o.blogspot.com/

    Assim que tiver tempo, associarei seu blog ao meu, me permite?

    beijoooooooooooooooooooooooos

  5. Que lindo! Putz, essa passagem da primavera para o vestido que se aproxima, é de arrepiar. abs

  6. Ricardo Rayol disse:

    uma alegria contagiante.

  7. Autor disse:

    O post me remeteu a uma música do Ira! que tem o mesmo titulo, ‘Flores em Você’.
    Gostei do texto, gostei do blog.
    Um beijo

  8. oi moça.
    Tudo bem ?
    Como o Autor disse, o Post também me lembrou a música do IRA.
    Os versos são simples, mas possuem muita emoção. Adorei.
    Gostei da expressão “na contra-mão do asfalto”….
    Flores, amores…. a vida.

    Obrigado pelo comentário.
    Eu já me perguntei muitas vezes o que foi que senti por Caio. Se era amor eu não sei… e o que realmente sabemos?

    Beijos amore.Inté a próxima.
    😉

  9. rsrssrrsrsrs

    Maneiro

  10. elisabetecunha disse:

    lindoooooooooooooooooo!
    🙂

  11. Edson Marques disse:

    “aromas, flores e encanto”: lindo!

    Então: Abraços, flores e estrelas..

  12. Claudia disse:

    Para mim, o último verso é q foi uma porrada…
    Lindo!!!!
    “… na contra mão do asfalto…” phoooda.. rs…
    Bjo.

  13. Mendes disse:

    Tô de volta, Sarita… Busca Vida foi de Phu… e só busquei o computer no spa hoje. Adorei o poema e tô com a galera e não abro: “… na contramão do asfalto” foi demais.

    Dá uma olhadinha no pilórdia e veja o post sobre o passarinho. É sentimento puro. Bjs,

    PS – Urban está maravilhoso (a)

  14. Mel disse:

    E quem não gosta de flores?

  15. Mariposo-L disse:

    Saraaaaaaaaaaaa, tudo bom ? o poema é bonito, mas gostei muito mais da foto 🙂

    Um abração

    Você viu que sumi, pois bem, mudei meu sistema operacional ( uso o linux ) e todos o blogs ou paginas com musica travavam aqui …. fo castigo ..kk

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s