Posts com Tag ‘you tube’

Hoje um post bem à moda “querido diário” (coisa rara aqui).

Estou gripada e de molho em casa… um muito na cama, um pouquinho no computador (que vício!), tomando chazinho de limão, tentando assistir um dvd e observando a rotina doméstica.
Tsc, tsc… se tem uma coisa que detesto são tarefas domésticas, todas sem exceção, principalmente passar roupas e dobrá-las para que fiquem impecáveis, daquele mesmo jeito que as encontramos empilhadinhas sobre prateleiras em lojas.

Infelizmente do mesmo modo que não tenho o mínimo talento nem paciência para arrumar, me faz um bem enorme vê-las todas empilhadinhas e bem passadas, enquanto a simples visão da bagunça de roupas amassadas e mal arrumadas me irrita horrores (maluquices de quem tem ascendente e lua em Virgem).  😛

Outro dia, sem querer, descobri o “Camiseta Dobrator Tabajara“. Com ele qualquer closet nunca mais será o mesmo, dizem que parece coisa de engenheiro ou de arquiteto, mas eu asseguro que é coisa de Virginiano doido mesmo (risos).
Bem… agora só preciso descobrir a engenhoca que passe muito bem as roupas, pois a daqui de casa tem duas mãos e amassa muito bem, obrigado.

( Nota ao leitor: não precisa dizer que eu posso ir a uma lavanderia. Eu não quero, tá bom?! )

Na falta de algo melhor prá fazer, vejam o “Camiseta Dobrator” em ação aí embaixo, é rapidinho!

Anúncios

“O ser humano se diferencia dos outros animais pelo telencéfalo altamente desenvolvido, pelo polegar opositor e por ser Livre. Livre é o estado daquele que tem liberdade. Liberdade é uma palavra que o sonho humano alimenta, não há ninguém que explique e ninguém que não entenda.”

Podem me chamar de idealista, romântica, sentimentalóide, tola, sonhadora, mas eu creio numa coisa: o Capitalismo rouba a Liberdade das pessoas. Liberdade no seu conceito mais puro e desejado, que traz intrínseco todas as causas e consequências que o estado nos expõe.
Então, aqui e agora, você terá a ‘liberdade’ de achar que estou falando besteira, mas mesmo que discorde de mim, ou até concorde (é mesmo?!), assista este curta e deixe-se conduzir pela lógica simples, que tão inteligente e ironicamente ele expõe, sobre o funcionamento da sociedade de consumo, que em muitos momentos chega a ser tão podre quanto o lixo que produz.

ILHA DAS FLORES – curta metragem
Brasil – 1989 – Direção: Jorge Furtado – Elenco: Paulo José (narração) e Ciça Reckziegel (D. Anete).
Criado há 20 anos, mas extremamente atual. Não deixem de assistir, é muito, muito bom!!